Skip to main content

Topics

Projects

Com um orçamento de 6,2 milhões de dólares AIAS e UNICEF juntam-se pela melhor água e saneamento

Published on: 03/04/2012

Iniciou em Janeiro de 2012, uma parceria entre a Administração de Infra-Estruturas de Água e Saneamento (AIAS) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e as Direcções Províncias das Obras Públicas e Habitação de Tete, Manica e Nampula para a provisão de serviços de abastecimento de água e saneamento em zonas urbanas nomeadamente em 8 vilas das províncias de Tete, Manica e Nampula.

Iniciou em Janeiro de 2012, uma parceria entre a Administração de Infra-Estruturas de Água e Saneamento (AIAS) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e as Direcções Províncias das Obras Públicas e Habitação de Tete, Manica e Nampula para a provisão de serviços de abastecimento de água e saneamento em zonas urbanas nomeadamente em 8 vilas das províncias de Tete, Manica e Nampula.
A parceria iniciou depois da decisão do UNICEF Moçambique, de alargar as suas actividades para as áreas urbanas, tendo mobilizado fundos para dois programas: abastecimento de água e saneamento a 3 vilas das províncias de Tete e Manica, uma extensão do programa de água rural existente “Iniciativa Um Milhão” e NAMWASH – programa integrado de água e saneamento em 5 vilas da província de Nampula.
O programa de abastecimento de água e saneamento às vilas de Ulónguè e Luenha na província de Tete e vila de Espungabera na província de Manica, financiado pelo Governo dos Países Baixos, iniciou em Janeiro do presente ano, e consiste na reabilitação/expansão dos sistemas de abastecimento de água (SAA) nas 3 vilas, no melhoramento do modelo de gestão dos SAAs em oito vilas em Moçambique e na promoção de um saneamento não subsidiado através da abordagem Saneamento Total Liderado pela Comunidade (SANTOLIC). Este programa tem um orçamento de 6,2 milhões de dólares.
O NAMWASH, programa integrado de abastecimento de água e saneamento às vilas de Ribáuè, Mecubúri, Rapale, Namialo e Monapo na província de Nampula, financiado pela Agência Australiana para o Desenvolvimento Internacional (AUSAID), iniciou em Janeiro de 2012, tem um orçamento previsto de 30 milhões de dólares e está dividido em duas fases: fase I: 2012-2013, e fase II 2014-2016.

Fonte: UNICEF

Edição: Egidio G. Vaz Raposo